segunda-feira, 21 de junho de 2010

No trilho

Muitos já devem estar dizendo "Só faltam cinco para o hexa". O que é muito pertinente já que a seleção Brasileira se apresentou de forma sólida, aplicada e eficiente. Mas ainda há um longo caminho a percorrer, até porque se a seleção vem evoluindo os adversários também vão crescer. O duelo Brasil x Costa do Marfim foi desenhada com giz de cera, mas quando a bola rolou de outra maneira. Eram linhas compostas de ambos os lados para defender, avançar e voltar. Os elefantes dominavam e quase esmagaram o canário. Até que o canarinho malandro marcou um, dois e o elefante sossegou o facho.

Não espere um discurso ufanista, pois a seleção Brasileira não é primazia. Mas não posso fechar os olhos para um deslocamento de Kaká que com um tapa encontra Elano que só encosta para marcar. Nem deu para comemorar, pois uma entrada violenta tirou o meia do jogo na marra. Mas antes que a pancadaria tome conta do espetáculo. O gol de Didier Drogbar foi o primeiro de um país Africano sobre a seleção brasileira em copas do mundo. Quer saber deixa a violência para lá, mas você caiu na pilha hein Kaká?

Mas essa história ainda está incompleta. A ansiedade, jejum e o nervosismo bagunçavam teu temperamento. O jogador do Sevilha estava claramente incomodado e as dúvidas sobre sua eficácia brotavam. Isso porque no passado à seleção mais vezes campeã contava com atacantes como Ronaldo, Romário e Careca. Luís procurou o gol na estréia, mas fez 5 faltas e ganhou um cartão amarelo. Mas disse que contra a Costa do Marfim seria diferente. No primeiro lance sozinho não recebeu, no segundo esteve desatento, mas no terceiro tabelou, dominou e deu um bico nos seis. Gol! Depois Fabiano deu uma sumida do jogo, mas artilheiro é assim. Um lançamento, a bola que toca na mão, chapeuzinho e chapelão, o acolher no braço, o corpo ajeitado e o tiro no canto indefensável. Fantasia! Golaço! Luís Fabiano definiu como " Mão santa ", mas prefiro o sobrenatural de Almeida. O futebol agradece, pois "O fabuloso" deixou os seis para marcar os seus.

Getty imagem

0 comentários:

Postar um comentário